1.png Dicas Práticas 2.png
blank.gif

Loja de eletrodomésticos Osasco, São Paulo

Encontre endereços e telefones de loja de eletrodomésticos em Osasco. Aproveite para obter dicas e mais informações sobre o assunto em nossos artigos com tutoriais.

Eletrodoméstico evolução

Artigo fornecido por:

blank.gif
O conforto que a água gelada, a vitamina batida na hora, o sanduíche quentinho e diversas facilidades trazem para a nossa vida esconde uma evolução de mais de 100 anos. Seu desenvolvimento se inicia no final do século XIX, com a distribuição cada vez maior de energia elétrica nas casas. Primeiro, na Europa e nos Estados Unidos. Depois, no Brasil, no início do século 20 quando eram importados, depois, desenvolvidos aqui mesmos por nossos engenheiros elétricos e eletrônicos, designers (desenhistas) e técnicos.

Conhecer as curiosidades por trás dos tataravôs dos eletrodomésticos é uma aventura e tanto.

A geladeira um dia foi apenas uma caixa para guardar gelo.
Na China antiga já existiam caixas de madeira que mantinham por mais tempo o gelo retirado das altas montanhas para ser utilizado para criação de bebidas especiais. Desnecessário dizer
articles: Refrigeradores-1.jpgque era um utensílio para os nobres e muito abastados.

Bem mais tarde, no século XIX, os frigoríficos e demais unidades industriais já desenvolviam câmaras refrigeradas para conservação de carnes, já utilizando o princípio da compressão de vapor. Só em 1866, com a evolução deste sistema, foi possível a refrigeração de frutas e legumes.

A geladeira como conhecemos hoje chega às casas a partir de 1913 com o curioso nome de "Domelre" (Domestic Electric Refrigerator). Logo depois foi rebatizada de Kelvinator, até hoje sinônimo da invenção nos EUA. O Kelvinator, assim como a maioria das geladeiras modernas, era arrefecido por uma bomba de calor de duas fases.

A General Eletric criaria ainda, em 1927, a "Monitor-Top". Neste aparelho o compressor, que esquentava muito, era colocado na parte de cima e protegido por uma espécie de anel decorativo.

O fogão acompanha o homem desde a idade da pedra.
O conceito do fogão é tão importante para o desenvolvimento humano que praticamente todas as suas variantes estão presentes ao redor do planeta, exatamente como foram criados há milhares de anos atrás.

Em tribos distantes, ou no churrasco gaúcho, podemos identificar os primeiros experimentos. Um buraco no chão, pedras como "mesa", e panelas ou recipientes de barro por cima, recebendo o calor.

Um final de semana no sítio é suficiente para nos lembrar que fogões de barro e metal, mais rústicos já estiveram no centro da cozinha de grandes cidades. Hoje, são carinhosamente rebatizados de "fogão caipira" ou "fogão a lenha".

E no dia a dia conhecemos o...

Clique aqui para ler este artigo em Dicas Práticas

blank.gif